top of page

Um Mundo, Uma Casa (One World, One Home) - 12ª Cimeira Jovem Europeia da AYUDH

300 jovens de 27 países participaram na 12ª Cimeira Jovem Europeia da AYUDH

Visão Geral

A 12ª Cimeira Jovem Europeia anual da AYUDH “Um Mundo, Uma Casa” teve lugar de 16 a 24 de julho no M.A Center em Brombachtal, perto de Frankfurt, Alemanha. A cimeira ofereceu uma plataforma única de desenvolvimento pessoal, diálogo intercultural e expressão criativa. Cada dia foi dedicado a um aspecto diferente do significado de casa: diversidade, inclusão, conexão, igualdade, transformação pessoal, sustentabilidade, paz e visão partilhada. Pela primeira vez participaram no evento jovens da Albânia, Argentina, Estónia, Geórgia, Macedónia, México, Nova Zelândia, Roménia, Sérvia, Síria e Uganda, fazendo no total 300 jovens de 30 nacionalidades.

 

Participantes da 11ª Cimeira Jovem da AYUDH em 2015 imaginaram um tema da cimeira de 2016 como ‘Casa’ (Home): como podemos criar um lugar melhor – para nós e para os outros, enquanto cuidando do nosso planeta comum, Terra. Neste contexto, conceptualizaram casa como mais do que um lugar físico, como um espaço de segurança, amor e integração.

A AYUDH acredita na transformação pessoal como base de mudança real – no mundo e em nós. Para além das perspectivas cultural, social, política e ecológica, também considerámos uma componente espiritual quando abordando os tópicos diários da cimeira. Os ensinamentos da líder espiritual e humanitária Amma (Mata Amritanandamayi) foram uma parte importante desta reflexão.

Pela primeira vez a AYUDH recebeu participantes Albânia, Argentina, Estónia, Geórgia, Macedónia, México, Nova Zelândia, Roménia, Sérvia, Síria e Uganda.

Sessões de Reflexão Interactiva

Cada dia tinha sessão alargada de reflexões interactivas centradas em volta de palestras motivacionais por oradores convidados.

Gopi Kallayil, “Chief Brand Evangelist” na Google, a liderar uma sessão de ‘Yoga da Google’ para os jovens.

Gopi Kallayil abriu a semana com uma sessão animada sobre a mudança da internet para a rede interna (“inner-net”), partilhando técnicas com os jovens de como balancear as responsabilidades externas enquanto nutrindo o cuidado das suas “vidas internas”. Oferecendo dicas práticas como o foco no essencial, praticar uma actividade de cada vez, criar listas de gratidão e agendando compromissos consigo próprios. Liderou ainda uma sessão matinal de yoga - prática comum que iniciou na sede da Google.

Br. Shubamrita Chaitanya, monge e professor de meditação (India) liderando uma sessão interactiva

Br. Shubamrita Chaitanya, um dos mentores da AYUDH Europa, falou com os jovens sobre diversidade e interdependência, a necessidade de evitar julgamentos precipitados, de perdoar mais e alargar a compreensão. “O que necessitamos não é julgamento, o que necessitamos é de compreensão – que requer paciência e amor. À medida que cresce, incluis mais e mais pessoas na tua vida. Inclusão é um modo de pensar: entender que todos têm uma contribuição para o mundo e todas as pessoas são importantes.”

Swami Amritaswarupananda, Vice-Presidente da Mata Amritanandamayi Math, apelando aos jovens

 Swami Amritaswarupananda, Vice-Presidente da Mata Amritanandamayi Math, falou sobre casa como um lugar de transformação pessoal. Enfatizou a necessidade de mudança de uma sociedade orientada para obtenção de resultados para uma sociedade orientada para a acção, para foco na prática de boas acções e cultivo de empatia. Partilhou um processo com dois passos para desenvolver as capacidades internas: amor próprio e aceitação dos outros. Reiterou ainda a mensagem de compaixão da Amma como primeiro passo, e último passo, no sentido de alcançar o objectivo de transformação pessoal. “Amor puro, compaixão pura”, disse, “une-nos a todos e cria a casa que procuramos no mundo.”

 

Empoderar a juventude com a Igualdade de Géneros

Depois de uma discussão cativante, participantes escreveram declarações sobre Igualdade de Géneros na forma de hashtags

No dia com tema “Casa como lugar de igualdade”, a AYUDH recebeu um painel de discussão dinâmico dedicado às ideias, identidades e problemas que dizem respeito o discurso actual em torno da Igualdade de Géneros e as complexidades envolvidas na mudança da perspectiva em torno de género dominante. Através desta discussão, pretendíamos explorar o papel dos jovens na promoção da igualdade de géneros, como podem contribuir positivamente no avanço para uma sociedade menos discriminatória e se dar simplesmente poder às mulheres e trabalhar no sentido de lhes dar pé de igualdade numa comunidade ou sociedade é suficiente para conduzir à promessa de justiça que se encontra no centro deste tema e qualquer movimento social de inclusão. Oradores incluíram Bri. Dipamrita Chaitanya, Líder do Centro da Amma em França; Kristina Lunz, Associada do Programa Mercator e Assessora da UN Woman na Alemanha; Lucia Rijker, campeã mundial de kickbox e treinadora motivacional; Vanessa Anyoti, Coordenadora de Programa, YWCA Tanzania; Mandy Michaeli, Directora Co-Executiva da Juventude Gay Israelita e Anja Stiefel, Medalhista Olímpica Suíça.

Painel sobre Igualdade de Género. Da esquerda para a direita: Lucia Rijker, Vanessa Anjoti, Marisa Siedler, Bri. Dipamrita Chaitanya, Anja Stiefel, Mandy Michaeli

Stephan Kelbert, Presidente da Câmara de Michelstadt abriu a sessão mencionando que, apesar da Alemanha ter feito grandes avanços no sentido da Igualdade de Géneros, há ainda um longo caminho a percorrer, mas ver os membros jovens da AYUDH na audiência dá-lhe esperanças para o futuro. Bri. Dipamrita Chaitanya partilhou uma perspectiva através dos ensinamentos da Amma: “Qual dos olhos é mais importante? Ambos são igualmente importantes. Homens e mulheres deviam trabalhar juntos do mesmo modo.” Mandy Michaeli incitou a audiência a falar sobre liberdade de género em vez de igualdade de género; e ecoou a necessidade de envolver tanto homens como mulheres no assunto. Nas suas considerações finais Kristina Lunz reafirmou aos participantes o poder das suas vozes: “Se estivermos todos dispostos a falar pela Igualdade de Géneros, uma mudança real é possível. Sejam pacientes e transformem a vossa ira numa ferramenta de transformação construtiva.”

Os participantes visualizaram ainda uma mensagem de vídeo especial por Ravi Karkara, Assessor Estratégico Sénior do Vice Director Executivo da UN Woman e Copresidente da Rede de Interagências das Nações Unidas para Desenvolvimento Jovem. “Pela primeira vez, o mundo tem uma meta para atingir igualdade de género [até o final de 2030],” disse “Devemos assegurar que todos os Objectivos de Desenvolvimento Sustentável afectam mulheres e raparigas por todo o mundo; que os objectivos são inclusivos. É crucial que organizações jovens como a AYUDH desempenhem um papel importante.” Apelando aos jovens disse: “Como vocês, existem no mundo 1.8 milhares de milhões – isto é uma grande oportunidade para obter paridade de género, alcançar diversidade e acabar com qualquer forma de desigualdade.”

Simpósio Uma Humanidade (One Humanity Symposium)

Simpósio ‘Uma Humanidade’ no Kloster Eberbach, em Eltville am Rhein

A 22 de Julho de 2016, a AYUDH Europa organizou o “Uma Humanidade”, um simpósio de nível elevado realizado no mosteiro histórico Kloster Eberbach em Eltville Am Rhein, Alemanha. Reunindo vozes importantes nos campos da política, diplomacia, activismo, espiritualidade e educação com 300 participantes jovens da Cimeira Jovem Europeia anual da AYUDH pretendia-se encorajar uma mudança de paradigma de um foco de identidade pessoal, política e cultural para uma identidade mais fundamental humana, e a necessidade partilhada de sermos respeitados, compreendidos e amados pelo que somos.

No seu discurso principal, Swami Amritaswarupananda Puri incitou os líderes a ouvir os jovens. “Estas mentes jovens,” disse, “são a resposta para todos os desafios que nosso mundo, o nosso planeta Terra, enfrenta hoje.”. Bjørn Ihler, um activista jovem que sobreviveu ao massacre de Utøya, relatou a sua experiência poderosa e comovente de confrontar o seu agressor e a sua viagem pessoal para o perdão. Expressou ainda apreciação pela mensagem de amor da Amma, dizendo: “Penso que necessitamos de começar aqui e construir no que a Amma faz, construir rituais de amor para contrariar as políticas de ódio e medo que presentemente movem o mundo.”

Anne Brasseur, a embaixadora oficial do Movimento No Hate Speech (Diálogo sem ódio) e anterior Presidente da Assembleia Parlamentar do Concelho da Europa, apresentou o raciocínio por detrás da campanha No Hate (Sem ódio) para proteger os valores Europeus.  “Precisamos de compreender que com ódio estamos a destruir as nossas sociedades. Necessitamos de uma narrativa de igualdade, de solidariedade, de paz para todos. Precisamos dos jovens para promulgar a mensagem de que necessitamos de viver uma vida sem medo.” disse.

Martine Reicherts, Directora Geral de Educação e Cultura da Comissão Europeia fechou o evento com um discurso final. Afirmou a mensagem central do evento, dizendo: “O Simpósio Uma Humanidade é sobre amor, sobre partilha de valores – Eu penso mesmo que isto é um passo na direcção certa. Frequentemente na política não ousamos usar a palavra amor, mas penso que devíamos ousar dizê-lo e praticá-lo. Amor é a linguagem universal e temos de retornar a ele.

Membros da AYUDH Europa apresentando a declaração do “Uma Humanidade”

Membros adicionais do painel incluíram Ernesto Marinelli, Vice-Presidente de RH da SAP na Europa, Médio Oriente e África e Indra Adnan, Fundadora e Directora do Soft Power Network, UK. Ahmad Alhendawi, Enviado Especial da UN para a Juventude deixou uma vídeo-mensagem especial para os jovens.

Ahmad Alhendawi’s video message for AYUDH’s 12th European Youth Summit https://vimeo.com/180402080

Jovens da AYUDH apresentaram uma declaração oficial (Part 1Part 2) que foi aplaudida pela liderança politica presente.

‘One Humanity’ Symposium - Engaging Youth in Building Peaceful and Inclusive Societies   https://vimeo.com/176842367

 

OdenWorld

Musica, dança e actuações dos workshops - o OdenWorld foi uma demonstração extraordinária do talento dos participantes

O popular festival multicultural da AYUDH ‘OdenWorld’ regressou na última noite da cimeira, mostrando o talento, criatividade e diversidade cultural dos participantes da AYUDH mesmo no coração de Odenwald. O espectáculo incluiu actuações pela premiada banda Israelita The Ultras; Rapper Polaco Spinache; cantora Finlandesa Kirsi Ranto; premiado grupo de dança hip-hop Diamond Breakers e a banda da AYUDH composta por Bruno Steffen, Marcus Bodenmann and Ekkehard Sassenhausen, assim como actuações por participantes AYUDH.

Workshops

Meditação e Yoga como ferramentas para autotransformação: Workshops na Cimeira da AYUDH

Um dos destaques das Cimeiras Jovens Europeias da AYUDH é o extenso número dos diversos workshops que são oferecidos para nutrir crescimento pessoal e transformação assim como oferecer treino prático em liderança, tomada de mudança, “mindfulness” e sustentabilidade. Este ano, a AYUDH ofereceu a maior selecção de workshops até à data, incluindo Tai Chi, Acro Yoga, Meditação Amrita Integrada, Artes Marciais, Permacultura, Horticultura Urbana e Treino de Sustentabilidade, Esboço de um Declaração e Lobbying para Impacto, Cinema Documental, Liderança e Desenvolvimento de Habilidades para Falar em Publico, Rap, Canto, Percussão e Dança Irlandesa, entre muitas outras. Lideres de Workshop e participantes fizeram apresentações criativas do que aprenderam durante o festival ‘OdenWorld’ na ultima noite da cimeira.

 

Objectivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas

Membros da AYUDH votaram quais os ODSs mais importantes para eles

Construindo no envolvimento da AYUDH na organização do primeiro Fórum Jovem da Comissão para o Estatuto da Mulher (CSW) e no Fórum Jovem da Campanha pelos Direitos Humanos (HRC), a cimeira ofereceu um espaço no qual os participantes foram introduzidos aos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas (Sustainable Development Goals - SDGs). Estes 17 Objectivos Globais foram acordadas por 193 membros das Nações Unidas em 2015, para moldar a agenda global para desenvolvimento sustentável nos próximos quinze anos. A cimeira deste ano foi essencialmente focada nos objectivos 5 e 16, relacionados com uma casa fundada em paz, justiça e igualdade. No fim da cimeira, os jovens foram convidados a votar nos objectivos que consideravam mais urgentes, relevantes e onde eles consideravam poder ter mais impacto, para definir o foco para a cimeira AYUDH em 2017.

 

 

Olhando para o Futuro

No fim de uma semana cheia de acontecimentos, divertimento e inspiração, membros da AYUDH por toda a Europa esperam ansiosamente a cimeira de 2017! Nos próximos meses a nossa equipa de organizadores irá trabalhar em comparar e conferir o feedback recebido para determinar o tema do próximo ano. Fiquem alerta!

Deixamo-vos com alguns pensamentos finais pelos nossos maravilhosos e apaixonados participantes.

“É a minha primeira experiência com a AYUDH. As pessoas aqui são maravilhosas, toda a gente é muito aberta, amigável, respeitadora umas com as outras e mente-abertas. Também gosto mesmo da parte espiritual: há mais na vida do que vemos.” - ­Eva, 21, Holanda

“A AYUDH é uma coisa muito boa porque é um sítio onde qualquer pessoa pode encontrar o seu lugar.” - ­Anaëlle, 20, França

“A AYUDH ensinou-me que se há alguma coisa que eu posso fazer para mudar o mundo, é ser bom para as pessoas. Se toda a gente pensar no que podem dar aos outros, o mundo seria um lugar muito melhor.” - Caolan, 17, Irlanda

Participantes vieram da Albânia, Argentina, Áustria, Croácia, Bélgica, Dinamarca, Estónia, Finlândia, França, Geórgia, Alemanha, Grécia, India, Irlanda, Israel, Itália, Luxemburgo, Macedónia, México, Holanda, Nova Zelândia, Portugal, Romania, Sérvia, Espanha, Suíça, Síria, Uganda, Reino Unido, EUA.

Participantes da Cimeira ‘Um Mundo, Uma Casa’

A 12ª Cimeira Jovem Europeia da AYUDH foi levada a cabo pelo M.A. Center Germany - Seminarzentrum Hof Herrenberg e.V., que foi suportado pela Fundação Jovem do Concelho da Europa, SAP e Fundação Kloster Eberbach. A cimeira foi realizada em parceria com a Rede de Interagências das Nações Unidas para Desenvolvimento Jovem, o Movimento No Hate Speech, o Lebenshilfe e.V. Offenburg e os municípios Alemães de Brombachtal e Michelstadt.

 

Artigos de Imprensa

 

Pré-anúncio do Simpósio

Wiesbadener Kurier

http://www.wiesbadener-kurier.de/lokales/rheingau/eltville/internationaler-kongress-mit-300-jugendlichen-aus-30-laendern-in-kloster-eberbach_17086329.htm

BLOG do movimento no hate speech

http://blog.nohatespeechmovement.org/anne-brasseur-ambassador-of-no-hate-speech-movement-at-ayudh-one-humanity-symposium/

 

Relatório após o Simpósio

hr Hessischer Rundfunk TV

http://hessenschau.de/tv-sendung/video-19094.html

Frankfurter Rundschau

http://www.fr-online.de/politik/terror-jugendliche-wollen-hass-stoppen,1472596,34532352.html

Wiesbadener Kurier

http://www.wiesbadener-kurier.de/lokales/rheingau/eltville/bjrn-ihler-ueberlebender-des-utya-massakers-spricht-bei-jugendsymposium-in-kloster-eberbach_17117941.htm

Rheingau Echo

http://www.rheingau-echo.de/nachrichten/region/rheingau/menschheit-welt-zuhause-id23944.html

 

Sobre a Cimeira em Geral

Finanzen.net

http://www.finanzen.net/nachricht/aktien/Grosses-internationales-Treffen-mit-Jugendlichen-EU-Politikern-und-Kuenstlern-Odenwald-DE-16-24-Juli-2016-4979013

Odenwälder Echo

http://www.echo-online.de/lokales/odenwaldkreis/brombachtal/jugend-gipfel-der-ayudh-bewegung-in-kirchbrombach_17104326.htm

 

Sobre o OdenWorld 2.0

Odenwälder Echo

http://www.echo-online.de/lokales/odenwaldkreis/brombachtal/inspiration-fuer-eine-bessere-welt_17121183.htm

Texto Original de Robert Westmore

Participantes na cimeira Jovem ‘Um Mundo, Uma Casa’

bottom of page